Terça-Feira, 14 de Julho de 2020

Judiciário
Quarta-Feira, 10 de Junho de 2020, 09h:42

FUNDO ELEITORAL

TSE define cota de cada partido

Redação

Reprodução

Tribunal Superior Eleitoral

O Tribunal Superior Eleitoral divulgou ontem o rateio do Fundo Eleitoral, no valor de R$ 2.034.954.824,00. O Partido dos Trabalhadores fica com a maior fatia: R$ 200.925.914,05.

Dos 33 partidos com registro no TSE, apenas um não receberá a cota: o Partido Novo, que abriu mão.

O PSL é o segundo no ranking e receberá R$ 193.680.822,47; seguido do PSD, com R$ 157.180.452,52. O MDB receberá R$ 154.867.260,21.

Seis partidos receberão a menor fatia: PRB, PCB, PCO, PMB, PSTU e UD – R$ 1.233.305,95.

A lista dos paridos e suas respectivas cotas está disponível no site do TSE.

Segundo o TSE, esta é a segunda vez que o Fundo – aprovado em 2017 pelo Congresso Nacional – será utilizado em uma eleição no país. As verbas que não forem utilizadas nas campanhas eleitorais deverão ser devolvidas ao Tesouro Nacional, integralmente, no momento da apresentação da respectiva prestação de contas.

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO